Olá,

O WhatsApp, mais do que nunca, está na mira das operadoras de telecomunicações do Brasil. De acordo com a agência Reuters, em dois meses elas pretendem entregar às autoridades locais um documento com embasamentos jurídicos e econômicos contra o funcionamento do aplicativo.

O alvo das operadoras no relatório que deverá ser entregue à Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) diz respeito principalmente ao serviço de voz do WhatsApp. O sistema de troca de mensagens não será citado no documento.

As operadoras esperam questionar o modo como a oferta de serviço chega ao usuário. No WhatsApp, ele se dá por meio do número de telefone móvel do usuário, enquanto em outros serviços, como Skype, ele acontece por login específico.

O argumento que as operadoras tem e esperam ser aceito pela Anatel é de que o número do celular é outorgado pela própria agência e as empresas pagam tributos para cada linha autorizado, coisa que o WhatsApp não faz. Além dessa questão, a fiscalização pela qual passam as operadoras não é repetida com o aplicativo.

O problema é que as empresas de Telecomunicações perderam receitas e lucros com o Whatsapp, afinal com ele basta você ter acesso a internet ou rede Wi-Fi para enviar mensagens de texto, mensagem de voz e até realizar ligações sem pagar nada mais por isto, já nas empresas de Telecomunicações além de você pagar um pacote, você paga para enviar sms se não estiver incluso no pacote, paga pelos sms excedentes, paga para realizar ligações quando excede seus minutos, além de pagar pela internet também quando excede…

O Whatsapp mostrou que as empresas de Telecomunicações são um bando de aproveitadoras e sanguessuga do povo.

Fonte: Yahoo