Olá,

O vício intenso por décadas de Michael Jackson por medicamentos poderosos estará a frente do julgamento pela sua morte movido pela sua família, que começa hoje.

0402_mj_katherine_jackson2

Katherine Jackson e três filhos de Michael estão processando a AEG Live, alegando negligência da empresa na  contratação e supervisão do Dr. Conrad Murray que matou MJ com uma overdose fatal de Propofol.

TMZ quebrou inúmeras histórias após a morte de MJ revelando como Michael Jackson tinha pelo menos 19 pseudônimos para comprar medicamentos receitados por vários médicos.

Ele era bem conhecido no circuito médico de Los Angeles e Beverly Hills  para lhe receitar Propofol.

Os médicos e dentistas se justificaram dizendo que eles precisam da droga para pequenos procedimentos, como a remoção de acne.

Nós relatamos um caso que um famoso médico ginecologista que se especializou em rejuvenescimento vaginal que realizava tratamento de acne sob anestesia geral.

A família Jackson vai argumentar AEG Live tinha o dever de monitorar Murray. O problema é … Michael Jackson é o único que encontrou Murray em primeiro lugar e que Murray administrou Propofol muito antes do documento ser assinado para a turnê de “This Is It”.

AEG tem uma enorme lista de médicos como suas testemunhas para afirmar que vício de Michael Jackson era de muito antes dele ser contratado pela AEG.

Já pensaram se neste novo julgamento Michael Jackson pudesse aparecer e mostrar o dedo para todo mundo? Não seria nada ruim neh… Só Michael Jackson tem culpa de tudo…

Lyllyan

Fonte: TMZ