Olá,

Além de registrar o trivial excesso de velocidade, o novo equipamento pode identificar pessoas sem cinto de segurança. E mais: ainda flagrar carros que não respeitam a distância mínima de segurança, que estejam com o licenciamento vencido e aqueles sem o seguro obrigatório.

Mas, calma, pois são os britânicos que têm de se preocupar primeiro. Afinal, o equipamento, que já foi testado na Finlândia, começará a ser usado para valer no Reino Unido em breve. E, a partir de 2013, estará espalhado pela Europa.

Do jeito que a “indústria da multa” está em franco progresso no Brasil, a novidade não deverá demorar muito tempo para chegar por aqui. Claro, com um pequeno ajuste para aumentar a capacidade para seis infrações de uma só vez – incluindo a multa por rodízio…

Lyllyan

Fonte: R7