Archive for the ‘ Economia ’ Category

Restaurante chinês fecha após fazer promoção “coma o quanto quiser” e perder R$ 300 mil


Olá,

Os donos de um restaurante chinês se arrependeram amargamente de realizar uma promoção do tipo “coma quanto quiser” por um mês inteiro. Com um prejuízo de quase R$ 300 mil, o Jiamener, estabelecimento em Chengdu, na província de Sichuan, não aguentou mais que duas semanas foi obrigado a fechar as portas, reporta o South China Morning Post.

Comida chinesa (Foto: Pixabay)

O restaurante ofereceu cartões fidelidade para os clientes comerem o quanto quisessem durante todo o mês de junho pagando 120 yuans, o equivalente a R$ 69,30 na cotação de hoje (20/6). O resultado foi um fluxo enorme de interessados desde o dia 1, com mais de 500 clientes diários e filas que davam a volta no quarteirão.

Continue lendo

Anúncios

Falta trabalho para 27,7 milhões de brasileiros, aponta IBGE


Olá,

No Brasil, falta trabalho para 27,7 milhões de brasileiros. É o que mostra a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD) trimestral divulgada nesta quinta-feira (17) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A taxa de subutilização da força de trabalho ficou em 24,7% no 1º trimestre de 2018, a maior da série histórica da PNAD Contínua, iniciada em 2012. O contingente de subutilizados também é o maior já registrado pela pesquisa.

Desempregados procuram vagas em cartazes no centro de São Paulo (Foto: Paulo Whitaker/Reuters)

O grupo de trabalhadores subutilizados reúne os desempregados, aqueles que estão subocupados (menos de 40 horas semanais trabalhadas) e os que fazem parte da força de trabalho potencial (não estão procurando emprego por motivos diversos).

Continue lendo

Desemprego pode recolocar Brasil no mapa da fome, diz ONU


Olá,

A piora na economia pode fazer com que o Brasil volte a aparecer no mapa da fome da ONU, após ter saído desse registro em 2014. A avaliação é do diretor-geral da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), José Graziano, em entrevista ao site UOL. O levantamento da instituição indica os países em que pelo menos 5% da população não ingerem a quantidade de alimentos necessária para se manter saudável.

Continue lendo

Estudo diz que 4 milhões de brasileiros voltaram à pobreza


Olá,

Pouco mais de 4,1 milhões de brasileiros entraram na faixa de pobreza no País em 2015, sendo que 1,4 milhão deles voltaram para a extrema pobreza no mesmo ano, informou o relatório “Radar IDHM 2015” nesta segunda-feira (14).

Dados mostram ainda queda na renda per capita da população

O relatório foi elaborado pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) e pela Fundação João Pinheiro divulgado.

Continue lendo

INSS convoca segurados por incapacidade para reavaliação de benefício


Olá,

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) convoca para perícia, pela segunda vez, milhares de segurados que recebem o benefício por incapacidade. De acordo com o Diário Oficial da União  de hoje (1º)  a nova chamada ocorre após uma tentativa do órgão de notificar os beneficiados pelo correio. As correspondências não teriam chegado porque os dados do endereços indicados no cadastro do Sistema Único de Benefícios estariam incompletos ou desatualizados.

INSS

Continue lendo

Crise do passaporte: o que fazer se você for viajar


Olá,

A Polícia Federal informou, na terça-feira, que está suspensa a emissão de novos passaportes. A PF alega que a decisão de deixar de emitir passaporte no Brasil se deve à “insuficiência do orçamento destinado às atividades de controle migratório e emissão de documentos de viagem”. A medida pegou os brasileiros de surpresa, especialmente por se tratar de um período de alta temporada de viagens, por conta das férias escolares.

Continue lendo

Nova regra do rotativo do cartão de crédito começa a valer hoje


Olá,

A partir desta segunda (3), quem não tem dinheiro suficiente para pagar toda a fatura do cartão de crédito pode passar, no máximo, um mês no crédito rotativo. Depois disso, o valor atrasado deverá ser pago ou parcelado em uma linha de crédito que cobra taxas de juros mais baixas.

Paying by card

Até então, o crédito rotativo era conhecido como o vilão dos empréstimos, por cobrar taxas que chegavam a 490% ao ano, enquanto o crédito parcelado, por exemplo, cobrava 160% ao ano, em média.

Continue lendo

Anúncios