Anvisa recolhe 200 lotes de losartana, valsartana e outros remédios para pressão alta; confira a lista


Olá,

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) anunciou na quarta-feira (08/05/19) que recolheu cerca de 200 lotes de remédios reguladores de pressão arterial após identificar em sua fórmula impurezas que podem causar câncer. Os medicamentos que tiveram lotes recolhidos são o losartana — o segundo mais vendido no Brasil — e o valsartana. Das 29 empresas analisadas, apenas quatro tiveram lotes considerados contaminados.

A instituição frisou que as pessoas com hipertensão não devem parar de tomar os remédios até que tenham outro em mãos.

Confira abaixo a lista dos remédios e os números dos lotes afetados.

Torlos H (Torrent)

Princípio ativo: Losartana e Hidroclorotiazida.

Dosagens de 50mg/12,5mg.

Lotes recolhidos:

BCA3D001, BCA3D002, BCA3D003, BCA3E002, BCA3E003, BCA3E004, BCA3E005, CE32C014 e CE32D004

Torlós (Torrent)

Princípio ativo: Losartana

Dosagens de 25mg e 50mg.

Lotes recolhidos:

C502C002, C502D005, C502D006, C502D007, C502D008, C502D009, C502E003, C502E004, C502E005, C502E006, C502E007, CE32C003, CE32C004, CE32C005, CE32C014, CE32C015, CE32C016, CE32C017, CE32C023, CE32C024, CE32C025, CE32C026, CE32C027, CE32C028, CE32D004, CE32D005, CE32D007, CE32D008, CE32D009, CE32D010, CE32D011, CE32D012, CE32D013, CE32D014, CE32D015, CE32D016, CE32D017, CE32D018, CE32D019, CE32E001, CE32E002, CE32E003, CE32E004, CE32E005, CE32E008 e CE32E009.

Valsartana genérico (Medley)

Princípio ativo: Valsartana.

Dosagens de 80mg, 160mg, 320mg.

Lotes recolhidos:

733658, 837417, 733655, 757334, 837840, 828879, 782196, 840443, 838275, 825364, 733664, 793873, 835644, 835151, 733662, 782199, 831843, 839254, 840673, 733660, 773057, 793872, 827251, 837572 e 837574.

Valsartana genérico (EMS)

Princípio ativo: Valsartana.

Dosagens de 80mg, 160mg, 320mg.

Lotes recolhidos:

0P1483, 0Q4432, 0R5429, 0Q4435, 0Q4436, 0Q4437, 0Q4438, 0R1000, 0R5948, 0R5950, 0J5245, 0K1133, 0M8461, 0N4738, 0N4739, 0P1493, 091494, 0P8392, 0R5440, 0R5441, 0R5443, 0S4126, 0R5439, 0S4125, 0S6816, 0S6817, 0S6818 e 0M8452.

Valsartana genérico (Germed)

Princípio ativo: Valsartana.

Dosagens de 80mg e 160mg.

Lotes recolhidos

0P1758, 0Q4544, 0P1780, 0Q4550, 0Q4551, 0R0999, 0R3585, 0R6329, 0K1369, 0L2550, 0P1782, 0P1784, 0R6332, 0R6333, 0R6334, 0S4128, 0Q4627 e 0R6030.

Valsartana genérico (Legrand)

Princípio ativo: Valsartana.

Dosagens de 80mg, 160mg e 320mg.

Lotes recolhidos:

0P7264, 0Q4603, 0R6225, 0Q4608 e 0R6235

BRASART (EMS Sigma Pharma)

Princípio ativo: Valsartana.

Dosagens de 80mg, 160mg e 320mg.

Lotes recolhidos:

0P2051, 0Q4750, 0Q4803, 0P2053, 0P8484, 0Q4751, 0S7414, 0M2611, 0M6269, 0M9209, 0O0607, 0R3122 e 0S4124.

BRASART BCC (EMS)

Princípio ativo: Valsartana e Besilato de Anlodipino

Dosagens de 160mg/5mg, 320mg/5mg, 320mg/10mg e 320mg/ 5mg

Lotes recolhidos:

0Q4806, 0Q4796, 0R5752, 0S5558, 0K1849, 0M9215, 0M7466, 0L8510, 0N9443, 0Q5026 e 0L6399

BRASART HCT (EMS)

Princípio ativo: Valsartana e Hidroclorotiazida

Dosagens: 160mg/25mg, 160mg/12,5mg, 320mg/12,5mg e 320mg/25mg

Lotes recolhidos:

0Q4761, 0K1902, 0M9186, 0M9187, 0R5663, 0Q4804, 0R9971, 0P7277, 0J5127, 0L2969, 0L5276, 0M9208, 0N5025, 0O0572, 0P2093, 0Q4784, 0R3634, 0K1905, 0N5020, 0N5021, 0P2073, 0P2074, 0Q4760, 0Q4758, 0Q4759

Importação, distribuição e comercialização suspensas

A agência também informou que suspendeu a importação, distribuição e comercialização de outros produtos da mesma classe de controle de pressão — os terminados em “sartana” —, nos quais foram encontrados indícios ou evidência de potencial cancerígeno.

Com receio de que os brasileiros com pressão alta parem de tomar o remédio após a notícia do recolhimento, a Anvisa informou que o potencial cancerígeno encontrado nesses produtos é “ínfimo” e que os pacientes não devem se alarmar ou fazer mudanças nos seus tratamentos sem antes consultar um médico ou um farmacêutico.

“Se o hipertenso parar de usar os medicamentos, ele pode ter consequências muito serias à saúde ainda no mesmo dia”, explicou o gerente-geral de inspeção e fiscalização sanitária, Ronaldo Gomes.

Os números divulgados pela Agência de Medicamentos Europeia (EMA, em inglês), indicam que, se um paciente tomar uma dose máxima do remédio afetado por 5 anos, a exposição vai gerar um novo caso em cada 6 mil pacientes. No Brasil, a incidência normal de câncer é de 1 a cada 333 brasileiros, em um total de 600 mil diagnósticos da doença por ano.

As recomendações da Anvisa aos pacientes

Continuar tomando seu medicamento, a menos que tenha sido aconselhado a parar pelo seu médico.

Nem todos os medicamentos contêm impurezas.

Se o medicamento que você toma foi suspenso ou recolhido, procure seu médico ou farmacêutico.

Existem outras opções no mercado que podem ser prescritas e adquiridas.

Somente troque de medicamento quando já tiver o novo em mãos, pois a interrupção do tratamento da hipertensão pode produzir malefícios instantâneos, inclusive risco de morte por derrame, ataque cardíacos e insuficiência renal.

Eu uso o Torlós, e descobri que tomei alguns lotes contaminados e os que não tomei devolvi para o fabricante e aguardo…

Fiz uns exames e terei de fazer biopsias e agora já sei a causa, Torlós…

Fonte: Extra Globo

    • Eumesma
    • 16 de maio de 2019

    Nossa Sra.

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: