Olá,

Com 10 singles no top da Billboard Hot 100 e cerca de 32 milhões de álbuns vendidos somente nos Estados Unidos, fica fácil entender o motivo de Janet Jackson ter sido escolhida a recipiente do Icon Award no Billboard Music Awards 2018.

E às vésperas de sua performance na premiação, onde também receberá a honraria do Icon Award, Janet Jackson aparece na capa da nova edição da revista Billboard e falou um pouco sobre seus lançamentos anteriores, o seu próximo álbum e aproveitou para rasgar muito seda para Bruno Mars, cantor que ela admira bastante.

Sobre seu novo álbum, Janet manteve o mistério. Não revelou muitos detalhes sobre o processo de composição do projeto, ainda sem data de lançamento definida. “Eu tento não analisar o processo criativo enquanto ele está acontecendo. Eu sou muito intuitiva em se tratando de compôr. Tudo pode me inspirar”, afirmou Janet.

“Como todo mundo, meus sentimentos são fluídos. Minha ideias são fugazes. Eu gosto de manter assim. Eu não consigo decidir adiantado qual será o conceito de uma música ou de um álbum. Eu tenho que deixar esses conceitos e músicas virem até mim ao invés de persegui-las”, concluiu.

Falando sobre novos artistas que a inspiram, Janet Jackson citou os talentos de Kendrick Lamar, J. Cole e SZA, mas foi sobre Bruno Mars que ela realmente rasgou uma boa seda. “Eu tenho um lugar especial no meu coração para Bruno Mars. Bruno foi realmente a primeira música que meu filho reagiu.”

“Durante e após o seu nascimento, eu me confortava com jazz brasileiro, música que sempre me relaxa. Então quando o bebê começou a engatinhar, Bruno estava fazendo um grande sucesso na rádio. Isso encantou a nós dois. Bruno é uma volta ao tempo em que os maiores artistas podiam fazer tudo: compôr, cantar, dançar e produzir.”

Para a revista, Janet Jackson também posou para um ensaio exclusivo. Confira as imagens e o vídeo:

Homenagem em vida é sempre mais legal!

Lyllyan

Fonte: Portal Pop Line