Paris Jackson quebra o silêncio sobre a paternidade


Olá,

A filha de Michael Jackson, Paris Jackson, veio a público falar sobre a questão da paternidade e defendeu que o rei da Pop era o seu pai biológico.

Em entrevista com à Rolling Stone, publicada na terça-feira, 24/01/17, a modelo esclareceu que não tinha dúvidas quanto à paternidade e sublinhou que seria a primeira e última vez que falaria do assunto.

“Ele será sempre meu pai, nunca deixou de o ser e nunca deixará”.

A modelo acrescentou que, geralmente, as pessoas apontavam para algumas das suas expressões e manias como “estranhamente idênticas” à do cantor.

Paris, em comparação com o irmão Prince Jackson, foi a que mais sofreu com os comentários do público, já que a questão racial contribuiu para a maioria das dúvidas, mas a jovem assegurou que se considera negra.

A modelo compreende que muitas pessoas a vissem como “branca”, mas referiu que tal se deve a ser mestiça, já que é fruto do casamento de Michael com Debbie Rowe, assim como Prince.

Mas os constantes comentários à sua aparência também conduziram, segundo Paris, a vários problemas de autoestima e, inclusive, disse que tentou suicidar-se repetidamente. As tatuagens servem agora para esconder as cicatrizes e os trabalhos de modelo são “uma terapia”.

“Ele [Michael Jackson] olhava-me nos olhos, apontava-me o dedo e dizia: «Tu és negra, orgulha-te das tuas raízes»”.

Paris não acredita na possibilidade de o cantor ter mentido ou ocultado a sua verdadeira paternidade, até porque a questão nunca foi posta em causa por Michael Jackson.

“Na minha lógica, ele nunca me mentiu”

Paris ainda abordou outras questões pessoais, como a causa de morte do pai, e defendeu que se tratava de um “assassinato”. Sem aprofundar muito o assunto, comentou que o pai lhe tinha conferenciado que havia forças não identificadas que lhe queriam fazer mal.

O mundo acabará e o povo ainda questionará esta paternidade.

O povo sustentará eles caso Michael Jackson não seja o pai? Não!

Lyllyan

Fonte: TVI 24 IOL

Anúncios
    • Isabela
    • 27 de janeiro de 2017

    Coitada, ela diz que foi abusada aos 14 anos deve ser que esse que foi o motivo de ter tentado suicídio!

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: