Dez alimentos para dar adeus em 2016


2016. O ano que muitos querem esquecer. Mas e em relação aos alimentos? O que para de comer? Pedimos à conceituada médica Bruna Pitaluga Peret Ottani, ginecologista e obstetra, pós-graduada em Nutrologia e membro do The Institute for Functional Medicine (IFM), uma lista dos “vilões” do ano.

chocolate-163477_640

  1. Açúcar refinado:  o açúcar branco passa por vários processos químicos para chegar na cor branca e o sabor conhecido, o que o transforma numa caloria vazia porque extrai todos os minerais e vitaminas existentes na cana de açúcar. Com isso, o açúcar refinado é um dos maiores responsáveis pela epidemia de obesidade que vivemos hoje. Além disso, estudos mostram que o açúcar refinado produz efeitos no cérebro semelhantes a cocaína, causando abstinência da mesma forma.

  1. Adoçante artificial:  os adoçantes artificiais aumentam a resistência a insulina porque alteram a microbiota intestinal modificando a resposta celular a glicose.
  1. Sal refinado. Assim como o açúcar refinado, o sal refinado é processado de tal maneira que perde sais minerais importantes no processo, se transformando apenas em cloreto de sódio. Para pessoas que geneticamente são sensíveis ao sal ainda podem causar inchaço, dor de cabeça, alteração do humor e aumento da pressão cardiovascular.
  1. Todos os tipos de refrigerantes: prejudicam o controle do pH do nosso corpo por serem extremamente ácidos. O nosso corpo funciona com um pH muito ajustado, e com poucas variações, em torno de 7,45. Para ajustar o pH depois do consumo de refrigerante o corpo usa o magnésio que deveria ir para os ossos, por exemplo. Os chamados “diet” ainda associam adoçantes artificiais piorando sobrecarregando ainda mais esse sistema.
  1. Biscoitos recheados:  o biscoito recheado possui aditivos químicos para que dure na prateleira dos supermercados. Esses aditivos químicos são gorduras trans utilizadas pela indústria alimentícia como conservantes. Imagine que, além de gordura trans, o biscoito tem açúcar refinado em altas quantidades.
  1. Sorvete: o mesmo caso do biscoito recheado se aplica ao sorvete. A indústria tem que adicionar gordura trans para conservar o alimento nas geladeiras e no transporte, além de muito açúcar e corantes. Uma bomba para o corpo que tem que metabolizar tudo isso.
  1. Gelatina: a mistura de açúcar e corantes novamente, além de aditivos químicos. Costumo dizer: não abrimos uma lata de tinta e misturamos com açúcar para comer certo? Por que comemos esses produtos com corantes artificiais então?
  1. Macarrão instantâneo: para criar o aspecto de crocância, a indústria adiciona gordura trans e sódio em altas quantidades. Se a pessoa adiciona o pacotinho com o tempero ingere ainda mais sódio! Um pesquisador de Harvard associou o consumo de macarrão instantâneo com aumento de síndrome metabólica, elevando a pressão alta, diabetes e risco para derrame.
  1. Óleo vegetal:  qualquer óleo vegetal tem que passar por um processo chamado hidrogenação para ser estável nas prateleiras. Esses óleos são responsáveis pela elevação do colesterol e aumento do risco cardiovascular.
  1. Alimentos não orgânicos: O pesticida não é danoso apenas para a pessoa que o ingere, mas também para o meio ambiente. O uso de pesticidas polui rios e o ar. Os trabalhadores rurais que tem contato com pesticidas devem usar material de segurança para se protegerem. Por que comemos verduras com essas substâncias? Por que alimentamos crianças com essas substâncias?

O pior de tudo é saber que não dá para viver de vento e de água porque são poluídos e de sol porque dá queimadura e câncer de pele, portanto não temos muito para onde fugir.

Fonte: Estadão

Anúncios
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: