Olá,

Os sobrinhos de Michael Jackson, TJ, Taj e Taryll Jackson, entraram com um processo por difamação contra o site americano RadarOnline na quarta-feira (27).

Sobrinhos de Michael Jackson processam site por difamação - Reprodução

Os familiares do cantor, filhos do irmão de Michael, Tito Jackson, acusam a publicação de mentir e difamar o cantor, ao alegar que o falecido rei do pop ‘abusou sexualmente’ dos três filhos do seu irmão.

O caso foi apresentado na Corte Superior de Los Angeles e a família pede US$ 100 milhões (R$ 326 milhões) de indenização.

Segundo o processo, ‘RadarOnline alega injustamente que Michael Jackson abusou sexualmente de outros meninos, e e isso inclui seus sobrinhos’, mas a publicação afirmou que a família do cantor sempre resistiu a qualquer inquérito.

Em junho, RadarOnline publicou uma série de artigos sobre Michael Jackson e seu suposto abuso sexual de crianças. E em uma história de 24 de junho a web conta supostos detalhes da ‘vida secreta sórdida de Michael Jackson, onde sua pornografia assustadora e arte pervertida não eram segredos para a sua família’.

A ação judicial afirma que ‘as declarações de RadarOnline são totalmente falsas e difamatórias’, e que nenhum dos sobrinhos do cantor nunca foi abusado sexualmente por Michael Jackson ou já teve qualquer tipo de contato sexual com ele.

A família de Jackson pediu uma retratação na época, mas o site ‘recusou-se a corrigir qualquer de suas afirmações difamatórias, agravando assim a sua conduta ilícita’.

Até que enfim a família se manisfestou.

Agora entendi o pedido da Blasting News para excluir  a matéria que eles publicaram… Água deve ter batido no bumbum.

Lyllyan

Fonte: O Fuxico