Olá,

Na noite da última sexta-feira (07), a jornalista da Globo Minas, Luciana Camargo, e o seu marido, o músico Marcel Telles, passaram por um grande susto em Belo Horizonte.

Jornalista da Globo e marido tentam usar Uber e são agredidos por taxistas

Ambos foram cercados e xingados por taxistas quando pegavam um carro do serviço de transporte alternativo Uber. Em sua página no Facebook, Luciana contou que eles foram ameaçados por três taxistas. Marcel tentou argumentar, mas foi agredido. Também em seu perfil na rede social, o músico compartilhou dois vídeos nos quais mostra as marcas no corpo e detalha a ação.

Segundo a jornalista, é a segunda vez que ela e o marido passam pela situação: “Na primeira vez, eu e Marcel estávamos em frente ao hotel Ouro Minas aguardando o Uber. Quando ele chegou, um taxista parou na frente dele, tentando impedir que saíssemos com o carro. Reclamamos, indignados, e conseguimos ir embora. Na última vez foi muito pior”.

Luciana e Marcel postaram fotos e vídeos das agressões, que confirmam a gravidade dos fatos. Através do jornal O Estado de Minas deste domingo (09), o presidente do Sindicato dos dos Taxistas de Minas Gerais (Sincavir), Ricardo Faedda, afirmou que soube do caso pela internet e que repudia qualquer tipo de agressão.

“O Sindicato repudia a violência. Se os órgão competentes da fiscalização agissem para coibir a violação das leis do sistema de transporte muitos conflitos seriam evitados”, comentou.

Motorista do Uber é sequestrado e agredido por taxista em SP

Que é isto? Os Taxistas perderam o racional e viram animais?