Olá,

As autoridades portuguesas recuperaram neste domingo sem vida um casal polonês que tinha caído no sábado de uma altura de 80 metros quando seus dois filhos tentavam tirar uma fotografia em Cabo da Roca (oeste de Lisboa).

(Foto: AP)

O casal sofreu a queda após ter ultrapassado a barreira de segurança da zona para, supostamente, conseguir um melhor ângulo na fotografia.

Ambos demoraram para ser resgatados pela “instabilidade geológica do terreno”, disseram fontes das equipes de salvamento, que usaram um helicóptero e 14 bombeiros.

O trágico acidente foi presenciado pelos dois filhos do casal, de 5 e 6 anos de idade, que necessitaram de apoio psicológico e foram atendidos pelos serviços sociais portugueses enquanto as autoridades entravam em contato com parentes dos menores na Polônia.

O Cabo da Roca, situado no litoral de Sintra, a cerca de 30 quilômetros de Lisboa, é o ponto mais ocidental de Portugal continental e da Europa continental e recebe milhares de turistas todos os ano.

Esta escrito que não pode ultrapassar, mas a pessoa teima é ultrapassa e acontece a tragédia, tudo por causa de foto ou de um selfie.

E como o caso do tigre Hu de Cascavel, estava escrito e as pessoas a redor ainda avisaram pai e filho e eles continuaram e terminou em tragédia.

Falta discernimento nas pessoas.

Fonte: EFE & Yahoo