Olá,

O ator Corey Feldman, o eterno Bocão de “Os Gonnies” (1985) e matador de vampiros mirim em “Os Garotos Perdidos” (1987), tem desde os anos 1990 uma carreira paralela como cantor, que nunca decolou. Mesmo assim, ele está lançando o clipe musical de seu novo single, “DUH!”, em que tenta convencer que é a reencarnação de seu amigo e ídolo, Michael Jackson.

The 7 Best (Worst?) Things About Corey Feldman's Insane New Music Video

Feldman aparece como um homem que tem uma mulher ciumenta, Tanna Frederick (“Just 45 Minutes from Broadway”), e sete lindas amantes que dão vida à anjos de lingerie dançando ao seu redor.

O clipe sempre remete à Michael Jackson. Feldman usa luvas de couro e também um terno listrado e um chapéu Fedora para copiar o vídeo de “Smooth Criminal”. Ele até tenta, toscamente, imitar as incríveis coreografias do Rei do Pop, como a da música “Thriller”, e ainda faz uma pegada na virilha, marca de Michael Jackson. Outra referência vista no clipe é a da clássica série “I Love Lucy”, estreada por Lucille Ball, que na versão do clipe é “I Love Corey”.

Chega a ser engraçado de tão tosco.

Eu acredito que Corey usa a “imagem e  semelhança de Michael” em tudo que faz para atrair fãs  e visibilidade no que faz, mas não adianta.

Que desperdício de dinheiro. É ruim demais da conta!

Fonte: Pipoca Moderna