Olá,

Tatiana Voziouk, 47 anos, foi empregada do cantor Justin Bieber e teve livre acesso dentro da mansão do canadense. Em entrevista ao jornal Sunday People, ela disse que teme que seu ex-patrão termine como Michael Jackson em relação ao abuso de drogas.

“Se ele não tomar uma atitude agora, eu ouvirei um dia que ele morreu. É de partir o coração. Decidi falar isso agora porque eu me importo com ele”, afirmou Tatiana, que disse ver constantemente na mansão de Bieber remédios controlados, maconha e xarope de codeína.

A empregada de 47 anos ainda conta que a maconha era entregada na mansão do cantor por uma empresa legalizada para vender a droga com fins medicinais.

“Justin já teve um coração doce e é muito talentoso. Hoje é um garoto perdido”, finalizou.

Bieber foi preso em Miami após ser pego pela polícia tirando um racha embriagado e com a carteira de habilitação vencida. Após pagar fiança de US$ 2,5 mil, o cantor foi liberado.

Antes de mais nada, Michael Jackson tomava remédios porque precisava e Justin Bieber toma remédios e se droga porque quer…

Justin virou uma aberração.

Fonte: Terra