Olá,

O FBI está investigando ameaças de morte feitas contra Conrad Murray e tudo indica que foram feitas por um grupo fãs fanáticos de Michael Jackson.

1104-conrad-murray-valerie-Wass-TMZ

Fontes policiais disseram que as ameaças foram direcionadas para a advogada de Murray, Valerie Wass.

Aqui estão algumas delas:

 – “Uma pancada na cabeça é tudo o que você precisa”

 – “Se você acha que os fãs de MJ são insignificantes… Você está absolutamente errado, morra”

 – “Melhor obter aquele cabelo escovado e estar pronto porque os fãs de MJ estarão em todos os lugares e Murray está em linha reta”.

Há duas razões para os fãs estarem alvejando Wass: Primeiro, porque eles não sabem como chegar a Murray. A segunda razão é baseada em vídeo da noite da libertação de Murray, um fã confrontou Wass gritando que Murray era um assassino. Wass disparou de volta: “Se você não fosse tão ignorante, você sabe que ele não foi condenado por assassinato!” E ela continuou a reclamar.

Wass também disse que depois da libertação de Murray, “Há um pequeno grupo fanáticos de Michael Jackson. Eles são irritantes, mas insignificante.”

Wass ligou para o FBI e disseram que iriam investigar.

Para assistir o vídeo, clique aqui:

Se Murray tivesse saído da prisão e ficado na dele, pode até ser que as pessoas não despertasse a raiva, mas saiu da prisão e não parou de falar besteira…  O resultado só poderia ser este e ainda poderá caminhar para pior…

Lyllyan

Fonte: TMZ