Olá,

Acessório indispensável no guarda roupa feminino, os sapatos de salto alto misturam sensualidade, elegância e autoconfiança. Usados principalmente durante a noite, o calçado muitas vezes faz parte da rotina de algumas mulheres que, fora da academia, não aceitam descer do salto.

Porém, o hábito pode trazer consequências para a saúde. “O salto alto é um dos piores tipos de calçado que existe e a orientação é para que as mulheres optem por usá-lo, no máximo, por meio período do dia”, explica o ortopedista Dr. André Felipe Ninomiya.

Caso seja impossível deixar o “companheiro” no armário, o médico sugere que as mulheres deem preferência para os modelos que exijam menos esforço dos pés e coluna. “Não existe salto adequado, mas o melhor a se fazer é evitar os sapatos com bico fino e salto agulha”.

O sapato com salto anabela, uma espécie de plataforma que abrange toda a planta do pé, também é uma opção para o público feminino. “Inclusive, este tipo de calçado é indicado para o tratamento de patologias nos pés”, completa o Dr. Ninomiya.

No final do dia, é essencial fazer o alongamento do calcâneo para garantir a saúde do tendão de Aquiles e evitar possíveis problemas na região.

Perigos do salto – As mulheres devem ficar atentas aos problemas que o acessório pode causar. Bolhas, olho de peixe e calos podem ser causados pelo uso excessivo ou má qualidade do produto.

Segundo o profissional, o sapato também mexe com o centro de gravidade do corpo e quem fica responsável por equilibrar o corpo é a coluna. ”O uso crônico do salto trará problemas na região, como por exemplo o aparecimento da hérnia de disco”.

Além disso, o uso desenfreado do bico fino causa deformidade do hálox, nome científico para o dedão do pé. “Quando as estruturas ósseas ficam posicionadas da mesma forma e por muito tempo, ela permanecerá assim. Para reverter esse quadro, a paciente terá que passar por cirurgia”, alerta o ortopedista.

Pisada – Corredoras com pisada supinada devem tomar cuidado com o uso do calçado. “Esse público é o que mais sofre, porque tendem a deixar o tornozelo instável, aumentando o risco de torções”, conclui o médico.

Eu sou corredora, tenho pisada supinada, já adquiri uma hérnia de disco e não deixo de usar os meus maravilhosos sapatos de salto alto… Amo!!!!

Como podem ver, eu não sou o melhor exemplo… Kkkkk

Fonte: Webrun