Olá,

Após o confronto no Vale do Anhangabaú na tarde de hoje (6), a Polícia Militar (PM) continua a tentar reprimir a manifestação contra o aumento de ônibus, que agora está na Avenida Paulista. O grupo de cerca de 2 mil pessoas, segundo a PM, seguiu a Avenida Nove de Julho, jogando lixo na pista e ateando fogo para bloquear o trânsito, até chegar à Avenida Paulista, uma das principais da cidade.

Segundo a Polícia Militar, cerca de 500 pessoas do Movimento Passe Livre partiram às 17h50 da Praça Ramos de Azevedo, no centro de São Paulo, em direção à Av. Nove de Julho. Estudantes disseram a reportagem, por telefone, que colocaram fogo em uma catraca de ônibus no cruzamento da via com a Av. Vinte e Três de Maio.

Na Avenida Paulista, os manifestantes bloquearam um dos sentidos da via, destruíram uma banca de revista e seguem em passeata em direção ao bairro Paraíso. A polícia acompanha a manifestação com helicóptero e está disparando bombas de gás lacrimogêneo.

 A companhia recomenda que o motorista evite o eixo Centro-Paulista, em função da lentidão. Agentes de trânsito estão acompanhando a interdição e orientando os usuários.

Internautas relatam nas redes sociais que os manifestantes colocaram fogo na saída do Túnel do Anhangabaú e ao longo da pista, entrando em confronto com a Tropa de Choque.

Desde domingo, estão em vigor as novas tarifas de ônibus, metrô e trem na capital paulista, que subiram de R$ 3 para R$ 3,20.

Aumentam a tarifa de ônibus e os ônibus continuam lotado, isto é injusto!

Fonte: Yahoo