Olá,

A mãe de Paris Jackson, Debbie Rowe, recebeu a visita da polícia na tarde desta quinta-feira, 5,  em sua casa em Palmdale, na Califórnia. Segundo o “E! Online”, a visita foi apenas para Debbie desse algumas informações à polícia na tentativa de esclarecer o que realmente aconteceu na casa da família Jackson durante a madrugada, quando Paris tentou suicídio.

Policial fala com Debbie Rowe, mãe de Paris Jackson (Foto: Splash News)

Uma fonte do site disse que a família está chocada com o que aconteceu: “Uma coisa é ela dizer que iria fazer, mas eles nunca acreditaram que ela de fato faria. Paris estava pronta para curtir o verão e passar mais tempo com Debbie”, declarou. Ainda segundo a mesma fonte, o incidente não teve nada a ver com a suposta proibição da ida de Paris a um show do cantor Marilyn Manson: “Ela estava deprimida há algum tempo, coisas mais profundas estavam acontecendo com ela. Não foi apenas ‘Oh! Não posso ir a um show’. Era um sentimento que já estava rolando há algum tempo.”

Relação com a mãe

Em 2001, Debbie abriu mão dos direitos de criar seus filhos, mas recentemente, Paris retomou a relação com a mãe. As duas foram fotografadas juntas em um haras na Califórnia e repetiram o passeio dias depois.

“Paris é muito infeliz e sozinha. Ela está vivendo neste lugar onde não há segurança, com tios e todos esses parasitas. E ela está sozinha. Essa é uma das razões ela estendeu a mão para Debbie Rowe – ela quer uma família, ela perdeu o pai dela”, disse a fonte da “People”.

Segundo o E! Online, um dos motivos de Paris se sentir sozinha seria uma briga recente com o irmão mais velho, Prince, por causa de Debbie. Ele não quer retomar a relação com a mãe.  “Ele não entende por que Paris está se dedicando tanto a reconstruir essa relação. Ele não se sente ligado a Debbie e sente que trairia Katherine Jackson de alguma forma.”

Depressão e recados no Twitter
Paris Jackson foi levada ao hospital depois de uma tentativa de suicídio na madrugada desta quarta-feira, 5. Segundo o site “TMZ”, a filha de Michael Jackson deixou sua casa em Calabasas, na Califórnia, de maca às 2h.

De acordo com a “People”, Paris estaria deprimida com a proximidade do aniversário de morte do pai. “Ela sente muito a falta do pai. Ela era o centro do mundo de Michael e é tudo diferente agora. Ela diz que está sozinha e que ela não se sente amada”, disse uma fonte.

Debbie Rowe confirmou a tentativa de suicídio ao programa “Entertainment Tonight” e seu advogado divulgou um comunicado da família sobre a internação: “Agradecemos a preocupação de todos com Paris e pedimos respeito pela privacidade da família neste momento.” O site “Radar Online” informa que Katherine Jackson, avó e guardiã legal de Paris, está no hospital com ela. Uma fonte da publicação disse ainda que os médicos acreditam na total recuperação da menina.

Segundo a revista “Us Weekly”, Paris sofre de depressão: “Ela tem sérios problemas de depressão e muito por causa da morte do pai. É bem real e muito triste. Ela tem estado bastante deprimida e não consegue dormir à noite. Fica acordada a noite toda”, disse uma fonte da publicação. Katherine disse à “People” que Paris agora está “bem fisicamente” e recebendo atendimento médico. “Ser sensível aos 15 anos de idade, é difícil, não importa quem você é. É especialmente difícil quando você perde a pessoa mais próxima a você”.

Já o “TMZ” relata que esta não foi a primeira vez que a menina tentou suicídio: “Ela tentou o mesmo no passado, mas desta vez foi bem mais sério. Não é um pedido de ajuda.” O site também mostrou imagens de Paris com machucados no pulso.

Na terça-feira, 4, ela postou mensagens enigmáticas em seu Twitter: “Eu me pergunto por que as lágrimas são salgadas” e citou um trecho de “Yesterday”, música dos Beatles: “Ontem parecia que meus problemas estavam longe, agora parece que eles estão aqui para ficar”.

“Algumas coisas são normais para adolescentes, são alterações hormonais. Mas agora é sério”, diz a fonte. “Paris disse que há algo faltando em sua vida. Este é um grito de socorro”, disse a fonte da “People”.

Entendo totalmente que a Paris sofra de depressão, mas ela precisa de ajuda médica, caso contrário não conseguirá se curar e poderá até se tornar uma viciada em calmantes para dormir, já que, a insônia faz parte da vida dela como do pai… Eu que o diga, também tenho insônia diárias!!!

E fica mais uma vez provado que a Paris tem sérios problemas em receber um NÃO como resposta… Ela brigou com Prince porque ele NÃO quer se relacionar com a Debbie e ai mais um motivo para ela se deprimir… Imaginem se a Paris fosse pobre e tivesse que procurar emprego todos os dias e ouvir mil NÃO como resposta até conseguir um SIM para o emprego? Imaginaram o que poderia acontecer?

Quis ir ao show e ouviu mais um NÃO e ai no desespero resolveu chutar o balde de vez!!!

Ela tinha algumas amigas que sempre postava na internet, inclusive a Michaela, se não me engano… Todas começaram a sumir após a transformação da Paris, inclusive os próprios irmãos começaram a se afastar dela após estas mudanças… Ou seja, ela mesma criou uma barreira e deu para perceber que ela passou a querer que todos fizessem o que ela queria, senão, ela ameaçava a tirar a vida…

Michael Jackson passou por tantas coisas e foi forte, ao menos nunca soube que ele tenha tentado algo contra sua própria vida mesmo nos momentos que pareciam que não havia luz no fim do túnel e  Paris somente com 15 anos e montão de vida pela frente já o fez isto por duas vezes? É muita decepção para um pai criar um filho e vê-lo em se perder deste jeito…

Lyllyan

Fonte: EGO & Outras fontes da mídia