Olá,

De certa forma ele parece ser apenas mais um garoto de 16 anos de idade. Ele dirige um Ford Raptor. Ele leva a namorada ao boliche. Nas Redes Sociais, ele fala sobre filmes, videogames e junk food.

Uma amostra: “me queimei comendo corn dog”.

Mas, ultimamente, o primogênito de Michael Jackson, Prince, tem se tornado um adolescente socialmente bastante ativo.

O TMZ e outras mídias sensacionalistas mostram ele saindo do Mr. Chow, indo ao show dos Rolling Stones e sendo parado pela polícia por conta das luzes estroboscópicas na caminhonete. “É muito diferente do garoto que Michael Jackson protegeu por anos”, o TMZ escreveu no mês passado.

Ele abriu a porta para isso ou pelo menos alguém abriu.

Prince, que poucos anos atrás usava uma máscara de penas em público para proteger sua identidade, chocou os paparazzi em outubro, com uma aparição incomum para promover uma bebida energética. “Eu tenho um amplo e vasto horizonte”, disse ao “Extra” de pé ao lado de sua tia, La Toya, e segurando uma lata do Mr. Pink Ginseng Drink, desse jeito mesmo.

Em fevereiro, ele apareceu no “Entertainment Tonight“, a grande dama de programas de TV sensacionalista como correspondente especial. Com duas câmeras rolando e La Toya assistindo do lado de fora, ele conversou com James FrancoZach Braff Sam Raimi sobre o filme da Disney “Oz, o Grande e Poderoso.” (“Vocês tem algum conselho para alguém que está querendo entrar para o meio artístico? “)

Em seguida, nessa última segunda-feira, ele fez sua estreia como ator: uma participação especial em“90210” como vítima de um acidente. (“Eu não sei quanto a você”, disse ele, bastante convincente depois de ser ferido em um show, “mas eu estou enlouquecendo.”)

O que há por trás desse súbito passo para os holofotes?

É difícil obter respostas quando você está lidando com os Jacksons. La Toya e Prince não comentaram, de acordo com a assessoria de imprensa deles, “It” Girl Public Relations. O advogado da avó, Katherine Jackson, que compartilha a guarda do Prince e dos irmãos (Paris, 15 e Blanket, 11), não respondeu ao pedido de comentário.

Talvez, como La Toya disse em um comunicado em março, após um artigo negativo do New York Post (“La Toya Jackson confisca as carreiras dos filhos de Jackson”), Prince começou uma carreira artística é simplesmente parte de ter feito 16 anos. Adolescentes arranjam empregos. O que ele deveria fazer? Trabalhar na Starbucks?

O comunicado dizia em parte: “Quando ela perguntou ao sobrinho o que ele queria de aniversário, ele respondeu que: ‘Ele só queria trabalhar.” Foi nessa época que ela diligentemente começou a ajudá-lo. “Dizia também:” Como uma amorosa tia, quando as crianças pedem ajuda ou conselho, ela apoia cem por cento. “

Mas muita gente está  fazendo cara feia. Os fãs se preocupam com o que o protetor Michael  iria pensar, ele queria que os filhos tivessem uma infância  livre do showbiz, o que ele ansiava, mas nunca teve. A máquina de notícias de celebridades comeu o Rei do Pop vivo, e agora o filho está participando dela? Será que Prince realmente quer começar uma carreira no entretenimento ou isso é apenas uma continuação assustadora do jeito da família Jackson?

Quando o Daily Mail, um site britânico, publicou um artigo sobre a estreia de Prince no “Entertainment Tonight”, 239 leitores comentaram. Apesar de algum feedback positivo (“Como assistir a um jovem Michael!”), muitos questionaram se um trabalho na TV era uma boa ideia.

Honestamente, não sei se me sinto confortável com isso”, uma pessoa escreveu. “Espero que isso não seja o início da exploração desse garoto pela indústria do entretenimento ou de quem se diz responsável por cuidar dele”, acrescentou outro. Um leitor escreveu sobre Michael Jackson: “Não dá para não pensar que ele vai estar se revirando no túmulo com isso.”

Randall Sullivan, autor de “Untouchable: A estranha vida e trágica morte de Michael Jackson”, vê uma imagem mais sutil. Sim, a família Jackson tem uma história desagradável quando se trata de crianças e de trabalho. Mas, “não tinha como essas crianças conseguirem manter um perfil discreto assim que se tornassem adolescentes”, disse Sullivan em uma entrevista.

“Prince é inteligente e aparenta ter muito mais do que sua idade”, Sullivan acrescentou. “Eu acho que as crianças mais velhas também reconhecem seu poder. O interesse da mídia neles é 10 vezes maior do que no resto da família”.

E os tabloides não vão passar fome.

“As crianças dão retorno, simples assim”, disse o produtor de uma organização de notícias sobre celebridades, referindo-se aos índices da Nielsen. “As histórias do Michael, em geral, não dão mais retorno: o julgamento, a família esquisita, todas as acusações de abuso sexual. É na maior parte apenas um ruído que não chama mais atenção das pessoas neste ponto. Como resultado, todos nós já começamos a caça às crianças”.

Prince é só mais um de vários outros filhos adolescentes das celebridades que estão começando a entrar no negócio da família. Sua irmã, Paris, quer atuar em filmes. Connor Cruise, 18, filho de Tom Cruise Nicole Kidman, é uma aspirante a DJ, enquanto Rocco Ritchie, 12, filho de Madonna e Guy Ritchie, dançou no palco com sua mãe durante a última turnê dela. Jaden Smith, 14, vai estrelar com seu pai, Will Smith, um filme de verão, “After Earth”.

O envolvimento de Prince no “Entertainment Tonight” surgiu após um dos correspondentes do programa, Brooke Anderson, ter conhecido Prince em um evento filantrópico, de acordo com Linda Blue Bell,produtora executiva do programa. O adolescente disse à Anderson que ele estava interessado em TV, por isso o “Entertainment Tonight” o chamou para entrevistar os atores de “Oz”, lembrando que o pai dele atuou em “The Wiz”.

“Eu acho que Michael estaria arrebentando os botões de sua camisa, disse Blue Bell por telefone. “Ele ficaria muito orgulhoso. Prince é muito sério sobre isso, muito bem preparado, e eu estou encantada”.

Se não exatamente natural, Prince estava pelo menos por dentro do jogo,  fazendo flexões com a Anderson para se aquecer antes da entrevista, permitindo que mostrassem ele sentado na cadeira de maquiagem e revelando alguns detalhes pessoais. Aparecendo depois todo vestido, ele falou sobre assistir filmes com o pai e da esperança de entrar para a Universidade do Sul da Califórnia.

Blue Bell fez uma observação dizendo que Katherine Jackson concordou em deixar Prince participar com uma condição importante: não poderia ser em um dia de escola. (Ele frequenta a Buckley, uma escola particular, onde mensalidades e custos anuais custam em torno de 70 mil reais). Então o programa organizou uma gravação para o Dia dos Presidentes. Blue Bell disse que foi ela quem arrumou para Prince um papel como ator, ambos “Entertainment Tonight” e “90210” estão sob o guarda-chuva corporativo da CBS.

Ela quer que Prince apareça em seu programa novamente. “Nós conversamos sobre algumas coisas que ele está interessado em fazer, disse ela, acrescentando: Ele vai controlar sua própria agenda. Ele não vai estar deixando ninguém em volta dar ordens”.

Sua próxima parada pode ser um tribunal. Está em curso, no centro de Los Angeles, um julgamento por homicídio culposo. Katherine Jackson, Prince e seus irmãos abriram um processo contra a Anschutz Entertainment Group, promotora da série de shows de retorno de Michael Jackson. Prince e Paris estão na lista de testemunhas, e um ou ambos são esperados para testemunhar mais tarde este verão.

Michael Jackson sempre disse que não queria os filhos expostos na mídia, mas também disse que apoiaria as escolhas dos filhos quanto as suas profissões.

Lyllyan

Fonte: New York Time &  Blog PPBJackson