Olá,

Em Paris, o sábado foi um dia meio fraco nas passarelas. Só mesmo a grife Jean-Paul Gaultier para dar uma animada. Como um dos figurinistas queridos do pessoal do show business, e relembrando a fase de sucesso dos anos 1980, o eterno ‘enfant terrible’ da moda parisiense apresentou um verão em homenagem a grandes ícones da música pop.

Inspirado por Madonna e Michael Jackson, Jean-Paul Gaultier dá show na passarela em Paris Foto: AFP

Madonna, para quem ele criou o famoso sutiã bicudo da turnê Blond Ambition, Michael Jackson, David Bowie, Sade, Boy George estavam entre os homenageados.

Mas o destaque ficou por conta da abertura, que contava com um andaime, onde as modelos e figurantes dançarinos faziam poses de Grace Jones, o ícone máximo de Paris, nos anos 1980, que cantava na boate Palace, com Jean-Paul Goude, o designer gráfico mais cult da época ( e até hoje ele cria as campanhas da Galeries Lafayette).

Claro, Grace Jones foi mais um pretexto para apresentar smokings, uma das tendências do verão, que ninguém pode garantir que pegará. Assim como ninguém garante que vamos usar trenchcoat bege com calça jeans, vestidos com franjas e macramê e até mesmo o body de uma manga e uma perna só.

E assim Michael Jackson nunca será esquecido!

Lyllyan

Fonte: Terra