Olá,

A notícia não é boa para as mulheres, já que mais uma vez ela não tem o mesmo tratamento que os homens no ambiente de trabalho.

Um estudo conduzido pela Universidade de Yale, nos EUA, sugere que as mulheres que falam demais no escritório são vistas como menos competentes do que as mais silenciosas.

Mulheres devem ficar quietas no trabalho para ter sucesso

Por outro lado, quanto mais frequentemente os homens expressarem suas opiniões, melhor eles são vistos em seus trabalhos.

De acordo com o jornal “Daily Mail”, os pesquisadores afirmam que as mulheres tagarelas são vistos como “autoritárias e arrogantes”.

O teste feito com 156 pessoas mostrava perfis de quatro chefes diferentes, dois homens e duas mulheres, sendo cada um falante e um mais quieto para cada gênero.

A mulher quieta recebeu dos entrevistados notas muito parecidas com a do homem falante, enquanto a “tagarela” ainda foi mais mal avaliadas que o chefe quieto.

“Quando os homens falam muito e eles têm poder, as pessoas querem recompensá-los, contratando, votando, ou apenas dando mais poder e responsabilidade no trabalho”, afirma Victoria Brescoll, chefe da pesquisa.

“Mas quando as mulheres fazem isso, elas são vistos como sendo muito dominadoras, muito presunçosas. As mulheres percebem isso, e é por isso que controlam o quanto elas falam”, completa a pesquisadora.

Já a especialista em relacionamentos Jean Hannah Edelstein culpa o sexismo pela diferença nos tratamentos.

“Os resultados são menos sobre se as mulheres falam mais ou menos no trabalho e mais sobre uma falta de respeito pelas mulheres em cargos de liderança”, afirmou Jean.

“Meu conselho para qualquer mulher que sinta que está sendo julgada por falar demais é continuar a falar, e encorajar seus colegas do sexo feminino a fazê-lo também – é a única maneira que as coisas vão mudar”.

Estamos em 2012 e ainda há preconceito.

Fonte: F5