Olá,

A Secretaria Municipal de Transportes suspendeu o rodízio de veículos de São Paulo nesta quarta-feira, 23/05/12, por conta da greve no Metrô na CPTM. Hoje estariam impedidos de circular os veículos com placas de final 5 e 6 das 7h às 10h e das 17h às 20h.

Segundo a secretaria, continuam valendo normalmente as restrições a caminhões e aos ônibus fretados. O sistema de estacionamento Zona Azul também está mantido.

A CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) implantou um plano operacional com o objetivo de minimizar os impactos ao trânsito e à mobilidade nos principais corredores, com ênfase naqueles que dão acesso às estações do metrô.

A SPTrans (empresa que gerencia o transporte), acionou o Paese (Plano de Atendimento entre Empresas de Transporte em Situação de Emergência), com ônibus gratuitos para atender os usuários do metrô.

Além disso, algumas linhas que operam com destino às estações de metrô foram estendidas até a região central.

Com a greve, o sistema de ônibus ficou sobrecarregado e os ônibus deixavam os pontos superlotados por volta das 7h20.

GREVE

Durante assembleia realizada na noite de ontem (22), os metroviários decidiram entrar em greve a partir da 0h, por tempo indeterminado.

A greve faz com que as linhas 1-azul, 2-verde e 3-vermelha operem parcialmente. As linhas 5-lilás e 4-amarela ocorrem normalmente, segundo o Metrô.

Por volta das 7h20, a linha 1-azul opera entre as estações Ana Rosa e Luz, a linha 2-verde opera entre a Ana Rosa e Clínicas, e a linha 3-vermelha funciona entre as estações Bresser-Mooca e Santa Cecília.

Em dias normais, o metrô atende 3,7 milhões de passageiros por dia.

Uma nova assembleia está marcada para as 12h desta quarta.

Os funcionários das linhas 11-coral e 12-safira da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) também aderiram ao movimento e pararam a partir da 0h.

As duas linhas ligam o centro de São Paulo a cidades da região metropolitana, passando pela zona leste. As demais linhas da CPTM funcionam normalmente, segundo a empresa.

greve-deixa-operacao-parcial-no-metro-de-sp-linhas-da-cptm-param

Fonte: Folha