Olá,

Finalmente a propriedade de Michael Jackson resolveu o processo movido há 03 anos pela garota que participou do clipe “Thriller”.

0510_ola-ray_thriller_2

Ola Ray processou MJ e seus produtores em maio de 2009, um mês antes de Michael Jackson morrer, alegando que ela não tinha recebidos os royalties do vídeo da música lendária de 1983

A ex-estrela o processou por quebra de contrato, insistindo que eles ainda estavam devendo uma boa parte dos lucros de “Thriller” para ela.

Não foi divulgada a quantia acordada, mas tudo indica que Ola recebeu uma quantia boa.

O diretor de “Thriller”, John Landis, também entrou com uma ação contra a propriedade e o que se sabe é que ambas as partes tentam negociar um acordo.

Menos um!!!

Lyllyan

Fonte: TMZ