Olá,

O confronto entre cerca de 300 torcedores do Corinthians e do Palmeiras que resultou na morte do estudante André Alves Lezo, 21, neste domingo, gerou reação da FPF (Federação Paulista de Futebol) que, nesta segunda-feira, proibiu a entrada da Gaviões da Fiel e da Macha Alviverde nos estádios.

O torcedor palmeirense Andre Alves Lezo, morto em confronto com corintianos

 O torcedor palmeirense Andre Alves Lezo

Por meio de resolução assinada pelo presidente da FPF, Marco Polo Del Nero, está proibida a entrada nos estádios das torcidas organizadas ligadas, respectivamente, a Corinthians e Palmeiras. Ou seja, os torcedores não podem ir aos jogos vestindo roupas ou portando bandeiras das facções.

O torcedor palmeirense André Alves Lezo morreu por volta das 21h do domingo e foi enterrado nesta segunda-feira à tarde, em São Paulo. Estudava engenharia civil na Uninove. Era irmão de Lucas, o palmeirense que foi baleado e se salvou, ano passado, em Prudente, e que se tornaria o atual vice-presidente da torcida organizada Mancha Alviverde.

Tudo aconteceu na manhã de clássico. A polícia suspeita que o confronto pode ter sido agendado pela internet.

André levou um tiro na cabeça e perdeu massa encefálica. Passou toda a tarde e início da noite internado. Foi enterrado na tarde desta segunda-feira, no cemitério do Jaraguá.

O tumulto ocorreu na avenida Inajar de Souza, no bairro do Limão, a 8 km do Pacaembu.

Familiares e torcedores palmeirenses no enterro de André Alvez Lezo, no cemitério do Jaraguá

Eram cerca de 300 corintianos e palmeirenses, de acordo com a polícia. Seis outras pessoas ficaram feridas, três delas já deixaram o hospital nesta segunda.

Os torcedores rivais se enfrentaram com armas de fogo, pedaços de paus, pedras e barras de ferro. Duas pessoas foram baleadas. Um rapaz de 23 anos foi atingido na bacia. O outro foi Lezo.

VEJA ÍNTEGRA DA RESOLUÇÃO

RESOLUÇÃO DA PRESIDÊNCIA – Nº66/12 – Proibir as Torcidas Uniformizadas Mancha Alvi verde e Gaviões da Fiel
RESOLUÇÃO DA PRESIDÊNCIA – Nº66/12

Em 26 de março de 2012

MARCO POLO DEL NERO, Presidente da Federação Paulista de Futebol, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo Estatuto,
CONSIDERANDO a solicitação por documentação encaminhada pela Delegacia de Polícia de Repressão aos Crimes Raciais e Delitos de Intolerância, que informa sobre a ocorrência de confronto entre integrantes das torcidas “Mancha Alvi Verde” e “Gaviões da Fiel”, com o registro de crimes contra a pessoa e patrimônio, verificado na Avenida Inajar de Souza, no dia 25/03/2012 e que resultou a morte do torcedor Andre Alves Lezo;

CONSIDERANDO que é dever desta Entidade preservar a disciplina nos campos de futebol,
RESOLVE:
PROIBIR a entrada nos estádios, até que sejam apurados os fatos e os responsáveis punidos nos termos da legislação em vigor (Estatuto do Torcedor) as torcidas organizadas Mancha Alvi Verde e Gaviões da Fiel.
Esta Resolução entra em vigor na presente data, revogadas as disposições em contrário.

Marco Polo Del Nero
Presidente

Sou Corinthiana e tenho vergonha da minha torcida e das outras torcidas dos outros times, pois ninguém tem espírito esportivo e transformam a diversão em um campo de guerra, onde quem perde são os torcedores e não os jogadores.

Fonte: Folha On-line