Olá,

De acordo com o website Truthquake, a funcionária relatou a descoberta a seus superiores, que a aconselharam a “esquecer o assunto”. Afinal, é mais provável que o líquido vermelho faça parte de algum figurino ou efeito especial de seus shows.

Essa não é o primeiro relato de comportamento inusitado da Mãe Monstro – como é chamada por seus fãs – em hotéis.

A cantora já foi acusada de gastar quase R$ 90 mil em aparelhos detectores de fantasmas, utilizados para garantir que Gaga não será acompanhada por almas penadas durante sua estadia nas suítes.

Uma coisa é certa: a cantora jura de pés juntos que de vez em quando incorpora o espírito da tia dela, Joane Germanotta, morta aos 19 anos com doença de lúpus.

Ritual em hotel? Dai-me paciência!!!

Fonte: Virgula