Olá,

A cadela Laica, que perdeu parte da mandíbula ao ser agredida pelo dono, recebeu alta no di 13/12/11 do hospital veterinário em que estava internada em São José do Rio Preto (438 km de SP). Apesar disso, veterinários ainda estudam o melhor tratamento para ela.

Cachorra Laica, que levou uma paulada e precisou de cirurgia para reconstruir a mandíbula

Segundo a voluntária da ONG Ajudaa Renata Marcondes, a cadela está bem clinicamente e, por isso, foi encaminhada para a casa de um voluntário, que funciona como passagem –como é chamado o local em que o cão se recupera antes de ser encaminhado para a adoção.

Laica, no entanto, ainda se alimenta apenas de comidas pastosas. Para a recuperação da mandíbula fraturada, os veterinários analisam qual seria o melhor procedimento. A hipótese de cirurgia ainda não está descartada.

De acordo com Renata, cerca de 60 pessoas já entraram em contato com a ONG interessadas em adotar o animal. “A maior parte das pessoas interessadas nem são da região. Tem gente de São Paulo, Rio, Minas”, conta ela.

Muitas pessoas interessadas no estado de saúde de Laica –que tem seis meses– também têm entrado em contato com a ONG por telefone.

A mãe do dono de Laica foi quem denunciou a agressão a Apata (Associação de Proteção dos Animais de Tanabi). O dono do cão –um rapaz de 18 anois, que vive em Tanabi (477 km de SP), teria usado um pedaço de pau nas agressões porque o animal havia mordido seu celular.

Isto não pode continuar deste jeito!!! Enquanto não houver punição severa contra este tipo de crime, mais e mais pessoas ruins farão estas coisas…

Fonte: Folha On-line