Olá,

Na entrevista com os detetives da polícia de Los Angeles, Dr. Conrad Murray revelou uma incoerência enorme que pode pesar muito com o júri.

1007_conrad_murray_video_bn
Na gravação, o Dr. Murray disse que ele saiu do quarto de Michael Jackson por apenas 2 minutos para ir ao banheiro e quando voltou Michael Jackson não estava mais respirando. Dr. Murray disse que imediatamente começou a executar CPR.

Mas de acordo com o depoimento da Sade Anding, a namorada de Murray de Houston, ela disse  que estava falando com ele ao telefone já por algum tempo, quando de repente ela percebeu que o Dr. Murray largou o telefone e começou a emergência.

Então, existem duas versões – Ou o Dr. Murray foi ao banheiro como ele contou aos policiais, ou ele estava ao telefone possivelmente distraído.

Se os jurados acreditarem em Sade Anding e nos registros telefônicos, eles podem facilmente concluir que o Dr. Murray mentiu para os policiais.

michael-jackson-teria-tomado-varias-doses-de-medicamentos-para-dormir

Como só tem duas versões? Tem mais…

Vamos lembrar de algumas: Quando MJ passou mal ao invés dele fazer a massagem ele desceu as escadas correndo e pediu para chamar os filhos e os seguranças…

Depois tem outra que ele não pediu para os filhos subirem e sim para os filhos saírem de lá…

Tem aquele que ele ao invés de fazer a massagem ligou para o Assistente pessoal…

Tem a versão que ele perguntou quem sabia fazer massagem e respiração boca-a-boca, pois ele nunca tinha feito aquilo…

Tem também aquela que ele pediu para Alberto Alvarez ligar para 911…

Outra é quando ele começou a fazer a massagem com o MJ sob a cama, a equipe do 911 orientou que teria que ser no chão, mas como não deu tempo , quem colocou MJ no chão foi a equipe do 911…

Já em outra versão, foi ele e o Alberto Alvarez que colocaram o MJ no chão…

E existem mais algumas… Como diz: versão é o que não falta, só queria saber a verdade, mais nada!!!

Lyllyan

Fonte: TMZ