Se você se considera uma pessoa paciente, é porque ainda não conhece Lorenzo Duran. O artista espanhol utiliza frágeis folhas como plataforma para seu trabalho. Duran escolhe folhas com belas formas – que, por si só, já são uma obra de arte – para criar mosaicos complexos. A série se chama Naturayarte e conta, ainda, com pinturas a óleo e esculturas em rochas feitas com ácido – atividades minuciosas, trabalhosas e delicadas.

Divulgação

Para produzir a arte nas folhas, o espanhol dispõe de técnicas japonesas de recortes. Duran seca, molda e, depois, corta as folhas, criando figuras detalhadas de paisagens, animais e mosaicos. A paciência do artista realmente não tem limites, uma vez que ele aceita encomendas e se propõe a mudar os recortes de acordo com a expectativa dos clientes. Contudo, Duran reconhece não ser capaz de criar o mesmo corte duas vezes.

Se você se interessa por alguma folha que já foi vendida, me avise que eu tentarei fazer uma réplica deste trabalho“, diz ele em seu site oficial. “Mas você deve considerar que essas são peças são únicas (antes e depois dos cortes) e, portanto, não posso me comprometer a fazer uma cópia exata dos trabalhos“, completa. Mais exemplos do trabalho desenvolvido pelo espanhol, que ele próprio define como “a ação da natureza na arte e a ação da arte na natureza”, podem ser contemplados em página oficial.

Mais fotos aqui

Muito legal!

Carol.

Crédito: Divirta-se Uai.