Olá,

Depois de chamar a atenção do senador Eduardo Suplicy (PT-SP) no plenário do Senado na semana passada, a senadora Marta Suplicy (PT-SP) corrigiu nesta terça-feira o senador José Sarney (PMDB-AP) por usar a expressão “presidente” para falar de Dilma Rousseff.

Na terceira vez em que Sarney mencionou “presidente Dilma”, Marta usou o microfone do plenário para “Pela ordem, senhor presidente. Senhora presidenta da República”, disse Marta.

Visivelmente constrangido, Sarney rebateu a senadora. “Muito obrigado a Vossa Excelência, mas eu sempre estou usando a fórmula francesa: madame le président. Todas as duas são corretas, senadora, gramaticalmente”, rebateu Sarney, membro da ABL (Academia Brasileira de Letras).

Marta foi eleita primeira vice-presidente do Senado na semana passada, cargo que lhe permite sentar ao lado de Sarney durante as sessões plenárias. Cabe à petista substituir o peemedebista durante suas ausências na Casa.

Na semana passada, enquanto Eduardo Suplicy discursava, Marta o alertou por três vezes sobre a necessidade de encerrar o pronunciamento. Em uma delas, o microfone do petista acabou cortado, mas a senadora permitiu que ele concluísse o discurso depois de censurá-lo sobre o longo discurso.

“O último minuto, senador, porque já foi prorrogado várias vezes. Agora, vamos para mais 1 minuto e encerramos“, disse a petista.

A Marta Suplicy tentando corrigir o José Sarney que é só membro e ocupa a cadeira de nº 38 na Academia Brasileira de Letras… Isto é de chorar rir!!!

Lyllyan

Fotne: Folha On-line