Olá,

Justin Bieber contou para a Vanity Fair que uma das dificuldades que tem como cantor é não poder ter uma vida normal. O astro teen, que é capa da nova edição da revista, disse que é complicado encontrar um equilíbrio entre suas necessidades como um adolescente e sua vida de artista. 

“Um garoto comum, se ele pegar uma gripe, ele apenas vai pra casa se cuidar. Mas eu não posso fazer isso, tudo é importante. Mas, sabe, a minha sanidade é importante também. Mesmo que eu esteja bravo, eu vou colocar um sorriso no meu rosto e fingir que estou bem. Eu não finjo com muita frequência – eu sou eu mesmo… Eu sei que tive que abrir mão de muita coisa minhas ou de minha vida privada”.

O intérprete de Baby também comenta que Michael Jackson é uma de suas maiores influências musicais. 

“Michael Jackson divertia as pessoas de todas as idades, ele não tinha um limite. Ele era muito amplo, todos o amavam e esse é o meu objetivo. O de, basicamente, fazer as pessoas felizes, inspirá-las e ter todos torcendo por mim”.

Sobre seu público, Justin diz que sabe que a maioria de seu público é feminino, mas espera que, com o tempo os homens também passem a gostar de seu estilo musical e irem aos seus shows.

Lyllyan

Fonte: Estrelando