Olá,

O “Daily News” divulgou que a Katherine Jackson está furiosa com as novas alegações que o médico de seu filho estava mais preocupado em esconder os frascos e ampolas dos medicamentos do que prestar socorro e salvar a vida de seu filho.

Com isto, ela exigiu através de seu Advogado uma cópia do processo atualizada sobre  o caso

O Advogado, Ada Streisand disse que: “Mrs. Jackson nunca duvidou de que este homem assassinou seu filho, e estas novas revelações, se for verdade, significa que precisamos de indícios adicionais para reforçar a gravidade do crime.”

“Assassinato em segundo grau exige dolo, que pode ser decorrente da conduta do réu. As ações alegadas sugerem que o Dr. Murray abandonou seus deveres como um médico ou um ser humano comum para salvar a si próprio ao invés de seu paciente.”

Quem esta furiosa é eu e todos aqueles que acompanham este caso desde o dia 25/06/10. Se todas estas provas são verdadeiras e se tivesse morrido alguém de verdade este médico estaria preso.

Quem não tem intenção de matar não deixa seu cliente sem socorro para fazer ligações que duram 47 minutos e muito menos se preocupar em guardar frascos e ampolas de medicamentos.  Estas caracteríticas são tipicas de assassino de verdades.

Tudo isto cansa demais!

Abs.

Lyllyan

Fonte: Daily News